terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

Salta uma rubrica como pipocas

Já é comum encontrar aqui por blog a rubrica sobre filmes, com a regularidade semanal. Como sempre trago filmes de diferentes género para ir ao encontro dos diferentes gostos e aumentar a probabilidade de encontrares algo que gostes para veres. 

Horrible Bosses 2



Duração: 108 min
Género: Comédia e Crime
Cotação: 6,5 /10
Realização: Sean Anders
Escrito por: Sean Anders e John Morris
Data de Estreia: 25 Dezembro 2014

Este filme é a sequela de outro, que resumindo contou a história de 3 homens que fartos dos seus chefes decidiram embarcar numa aventura para pôr fim à sua exploração. Neste filme decidem abrir um negócio por conta própria, e passaram eles a serem os seus próprios chefes sob o investimento de Bert Hanson, quando tudo estava a correr bem este ultimo desiste do negócio criando um prejuízo em meio milhão de dólares. Dispostos a recuperar este montante engendram um plano se rapto e sequestro de Rex Hanson e aqui começa toda a aventura cheia de peripécias como o primeiro filme já demonstrou.
Se gostaste do primeiro, vais gostar deste, pois não foge do mesmo registo. É um bom filme light, para passar as horas e soltar uma gargalhada sem muito esforço. Contudo, não é intelectualmente estimulante, nem tem um argumento rico, aliás é pobre em tudo até na própria fotografia. 


The Hunger Games: Mockingjay Parte 1


Duração: 123 min
Género: Aventura e Sci-fi
Cotação: 7 /10
Realização: Francis Lawrence
Escrito por: Peter Craig e Danny Strong
Data de Estreia: 20 Novembro 2014

Este já é o terceiro filme de quatro, também resumidamente, há a capitol e mais 12 distritos que trabalham para a manter em funcionamento. Anualmente são sorteados em sorte dois membros dos 12 distritos que vão-se desafiar num campo de jogos, numa luta pela sobrevivência. Sempre foi assim até Katniss se voluntariou para salvar a sua irmã deste destino. Assim, os filmes são protagonizados por esta personagem que é alvo central da vingança da capitol, o que esta não esperava é a natural influência dela sob a população dos 12 distritos.
Neste filme descobre-se que afinal há o distrito 13 e é lá que se encontra Katniss, que conscientes da sua influência e popularidade tornam-a o amuleto deles para derrotar a capitol.
É um bom filme, surpreendeu-me, já não aguentava outro filme num campo de jogos e este foge desse registro. É uma verdadeira lição do poder da união, da resistência, da esperança e por isso aconselho vivamente a assistirem este filme.
Como sempre a fotografia é impecável, as roupas que ela veste são lindas. só não deitam fogo.Devo contudo alertar, que quem vir este filme terá que obrigatoriamente ver o outro pois ficam muitas portas em aberto, o que desperta mais curiosidade são os sub enredos que embora quem tenha lido os livros não tenha surpresas , quem não, como é o meu caso fica curiosa com o seu desfecho. Não deixei de notar que há personagens que não foram tão exploradas como gostaria como é o caso Julianne Moore e outras que prometem ser promissoras como é o caso de Cressida.

22 Jump Street 



Duração: 112 min
Género: Acção, Comédia e Crime
Cotação: 7,2 /10
Realização: Phil Lord, Christopher Miller
Escrito por: Michaell Bacall e Oren Uziel
Data de Estreia: 10 Julho 2014

Cheguei agora à conclusão que este post é na sua maioria filmes sequela, e este não é excepção. Quem viu o filme anterior já sabe de que se trata este, basicamente são dois agentes que são inseridos no programa de Jump Street e vão para o ensino secundário para investigar sobre tráfico de droga. Neste é exactamente o mesmo, mas no ensino universitário.
É o verdadeiro exemplo de que em equipa vencedora não se mexe e nota-se a ausência de risco e de novidade, contudo, noto que ao contrário do primeiro Channing Tatum e Jonah Hill não carregam o filme todo às costas, mas acredito que se não fosse a cumplicidade destes não teria tanto sucesso como teve e o filme não teria corrido tão bem.
Aconselho e elogio a capacidade de manterem a diversão proporcionada pelo primeiro filme, mas se esperas novidade, suspense e um filme daqueles que te fazem pensar este não é de todo o melhor.

Serena



Duração: 109 min
Género: Drama
Cotação: 5,5 /10
Realização: Susanne Bier
Escrito por:Christopher Kyle, Ron Rash
Data de Estreia: 20 Novembro 2014

A trama deste filme ocorre em 1929 e debruça-se sobre a história de Serena e George, um casal recém casado que se dedica à exploração da Madeira. Serena apesar de ter crescido na cidade demonstrou uma aptidão especial para o negócio, uma óptima esposa, sócia, companheira e dedicada até que mudou as circunstâncias e ela passou a projectar o seu desgosto para Jacob, filho ilegítimo do seu marido.
Mais um filme que Jennifer Lawrence sobressaiu pela excelente interpretação demonstrando o lado negro de uma mulher amargurada e com um quê de psicopata. Este casal funciona, isso já não é surpresa para ninguém, este casal é exemplar para o bem e para o mal mas não deixou de despertar curiosidade o que me incentivou a ver o filme. 
Não é o drama daqueles que te desfazer em lágrimas, não é lamechas e caracterizo-o pelo seu realismo exagerado que roça o ilusório. A história poderia ter sido um pouco mais explorada tem alguns solavancos que podiam ser perfeitamente contornados e não foram.

The woman in black 2: Angelof death



Duração: 98 min
Género: Drama, Terror e Thriller
Cotação: 5,2 /10
Realização: Tom Harper
Escrito por: Jon Croker
Data de Estreia:  01 Janeiro 2015

Pensavas que já tinham terminado as sequelas? Não, não, aqui temos mais uma. Quem viu o primeiro sabe que foi com o Daniel Radcliffe, deve ter sido o primeiro filme a assistir após Harry Potter e gostei bastante de o ver noutro registo. Quando vi este a sair, apesar do IMDB prever uma diminuição na sua qualidade com a descida de pontuação insisti em ver. Como a maioria dos filmes de terror é uma casa assombrada, com brinquedos e macacos (qual é o problema dos macacos para estarem sempre presentes nos filmes de terror?). Em plena 2ª Guerra Mundial duas damas de companhia (chamemos assim) acompanham um grupo de crianças para essa mesma e fenómenos estranhos e perturbadores começam a acontecer e as crianças são o alvo principal. A dama mais nova, perspicaz descobre tudo e tenta resolver a situação o melhor que sabe, mas desperta o ódio desta mulher de negro.
É um filme perturbador, não consegues ficar indiferente ao mesmo, é o típico filme que funciona à base das imagens escuras que aparece do nada imagens que te fazem saltar da cadeira acompanhada pelas musicas assustadoras de suspense. Se és sensível não aconselho.

Quais destes vais ver? 
E quais já vistes?

Sem comentários:

Enviar um comentário