segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Alimentação Saudável: Como conservar #2

Pegas na carne, metes num saco de plástico, mandas para dentro do congelador e já está? Não já? Não... Congelar tem muito que se lhe diga e o post de hoje é dedicado exactamente a isso.

Uma novidade, nem todos os congeladores são iguais. Há aqueles que têm 4 estrelas e esses são fixes para congelar, como há aqueles que têm apenas 3 estrelas, que por sua vez não são adequados para congelar, apenas conservar alimentos já congelados. Ambos têm uma temperatura uniforme e por isso é indiferente onde guardas os alimentos.

Quanto mais cedo congelares o produto, mais a frescura é assegurada, contudo, antes tens que te certificar que o alimento está em boas condições. Por exemplo, no caso dos legumes, deves sempre tirar a parte não comestível, mergulhar por 2 minutos em água a ferver e posteriormente em água fria. Com esta atençãozinha vais eliminar todas as enzimas e reduzir o número de microrganismos nocivos, ao mesmo tempo que mantém a cor. Embora não seja aconselhável congelares a fruta por perder a sua textura, se insistires em fazê-lo usa o mesmo processo que mencionei para os legumes.

Já na carne deves tirar todos os ossos, gordura excessiva e tendões. O peixe deve estar devidamente arranjado, sem escamas, tripas e cabeça. Ambos já devem estar cortados e preparados conforme vais cozinhá-los.

Como já mencionei no primeiro post de como conservar os alimentos, quando cozinhados devem ser primeiramente arrefecidos antes de congelar. Quando a refeição tem molhos, não enchas o recipiente até cima, pois os alimentos quando congelados dilatam e podes fazer asneirinha.

Vá, também já não é novidade, mas nunca é demais lembrar, não descongeles os alimentos em temperatura ambiente, podes sempre metê-los a descongelar no frigorífico de véspera, se estiverem dentro de um recipiente podes mergulhá-lo em água quente, recorrer ao microondas e podes mesmo cozinhar directamente, no caso dos legumes já anteriormente usados como exemplo.
Quando descongelados, os alimentos devem ser comidos com alguma urgência. 

Na hora de congelar aconselho a usares etiquetas que mencionem o que é, para que serve e a data de congelamento. Estas informações são bastante úteis para desfazer futuras dúvidas e para garantir a segurança do produto. Então vejamos:

Fonte DECO
 Cumpres com estes prazos? Conhecias estes truques?

Sem comentários:

Enviar um comentário