quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Sabes o que andas a comer? Alface

É chegar o verão, é vê-la nos pratos de quem está a comer na esplanada, nos pratos de quem está a fazer dieta, nos pratos de quem come um peixinho grelhado ou um peito de frango grelhado, nas saladas frias de quem fica sem fome com o calor... por todo o lado... alface por todo o lado!


Até calha bem, porque a safra dela coincide com a nossa vontade de exibir um corpinho ligeiramente mais elegante e jeitozinho no bikini... mas os benefícios não são só este, depois das informações que retirei da Internet vamos lá dar uma vista de olhos.

Benefícios para a saúde:

Vá, já que começamos por aí... continuemos... de facto ela é amiga de quem está a fazer dieta, pois para além de ter um número reduzido de calorias, ainda aumenta a saciedade, faz uma limpeza intestinal, elimina as toxinas do corpo, combate problemas de flatulência e prisão do ventre e ajuda com a digestão.

Se estás numa dieta à séria daquelas que passas horas no ginásio e que te torna um(a) forte candidato(a) ao prémio fitness do ano, a alface é a tua melhor amiga na hora de acalmar as dores musculares e preservar a saúde dos teus ossos devido à vitamina K, cálcio e fosforo.


Devido à presença de letucarium (não, não é nenhum feitiço do Harry Potter, não sejas perguiçosa(o) e dá uma "googlada") ela combate as insónias, por isso se andas com dificuldades em adormecer lança-te na alface. 

Combate a anemia devido a ter ferro, melhora os níveis de colesterol e regula os níveis de açúcar no sangue sendo aconselhada para diabéticos.


Mas, não é só o teu aparelho digestivo e circulatório que saem beneficiados, o aparelho respiratório também é fortalecido tal como o sistema imunológico, já que a vitamina C vai prevenir gripes. 


A existência de radicais livres vai combater o envelhecimento celular, neutralizar a acidez do corpo e assegurar uma pele radiante e macia com a ação conjunta com a vitamina C e betacaroteno.

Por fim, melhora a saúde dos olhos, já que fortalece a retina.

Malefícios para a saúde 

Estou para aqui a dizer que as vitaminas são o cartão de visita da alface, mas, também, são estas que a tornam perigosa quando consumida em excesso ou conjuntamente com alimentos que acrescem grandes quantidades das mesmas.

No caso da vitamina A quando em excesso provoca o ressecamento/descamação da pele, cãibras, tonturas, náuseas e problemas do fígado. O fígado é o principal prejudicado com o seu consumo em excesso já que a vitamina K também o vai lesar.

A vitamina C, em excesso, provoca distúrbios gastrointestinais, incomodo na bexiga e alteração no fluxo menstrual.

E são outras as consequências como a irritabilidade, perda de memoria e anorexia (no caso de excesso de cálcio), pressão alta, fraqueza muscular e o comprometimento do funcionamento da tiróide.

Vai uma saladinha?


Sem comentários:

Enviar um comentário