segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Uma chefe para tantas receitas #8

Pois é, na semana passada esta rubrica decidiu tirar uma folga... mas está descansada/o que já lhe pus de castigo, num cantinho da sala para pensar sobre o que andou a fazer! Mas como sou uma pessoa que acredita em segundas oportunidades decidi recebê-la de novo e de braços abertos e espero que faças o mesmo.

Segunda

 

Com esta aragemzinha mais fresca, inicio da semana e mudança de horário estavas mortinha/o para chegar a casa, tomar um banhito mais quentinho, vestir o pijaminha, as pantufas e o robe, acertei? Pois é, mas no meio disto tudo tens um jantar e a marmita para o dia seguinte para preparar... Assim, o truque é apostar numa receita, rápida, fácil e que não exija que fiques por volta dos tachos, para que possas tomar o teu merecido banho.
Para isso apostei num arroz de lulas, só piquei o tomate e refoguei-o em azeite para que comece a desfazer-se e a formar uma polpa, enquanto isto, fui cortando as lulas que já estavam arranjadas e limpas em rodelas e adicionei-as ao molho do tomate e envolvi tudo muito bem. Antes de adicionar o arroz temperei com sal, gengibre, oregãos e pimenta e depois coloquei a quantidade desejada de arroz carolino envolvendo tudo muito bem. Acrescentei uma quantidade bem generosa de água e deixei cozinhar, mas mexendo em vez em quando para que não agarrasse no fundo.

Terça


Na terça optei por algo mais leve, uns mini quiches acompanhados com beringela grelhadas. Uma refeição leve, vegetariana, mas muito nutritiva. Comecei por cortar as cenouras, feijão verde e colocá-los a cozer em água temperada em sal. 
Depois bati 3 ovos e neles juntei sal, pimenta, leite de arroz (só um pouquinho para dar o ar da sua graça) pimentos vermelhos e courgete aos cubos.Quando cozidos os restantes legumes também os juntei ao preparado anterior. Coloquei esta mistura em 6 formas de fazer cup cakes de silicone (e como tal não precisei de untar) e levei ao forno por 35 minutos.
Estando no forno, cortei as beringelas em rodelas temperei com sal e coloquei a grelhar em ambos os lados.

Quarta


Vá depois de uma refeição mais levezinha, na quarta, meio da semana, já merecemos algo mais consistente não concordas? Para tal foi só cozer massa em sal e como esta é sem gluten tive que abusar na quantidade de água.
Noutro tacho piquei tomate, fervi em azeite até ficar numa polpa, adicionei a carne de vaca partida aos bocadinhos envolvi muito bem, juntei cenoura aos cubos, ervilhas e temperei tudo com sal, gengibre, oregãos e pimenta. Um pouco de água para fazer molho e deixei cozinhar por uns 20 minutinhos mais ou menos.

Quinta

E como a semana já está quase a acabar e ainda não tinha comido peixe propriamente dito, escolhi fazer um filetes de peixe gato no forno, envolvendo-os em azeite, sumo de limão, pimenta, coentros e gengibre e um nadinha de água. Como adoro batatas a murro e como detesto durante a semana e a cozinhar só para mim perder muito tempo optei apenas em cozê-las com casca em água e sal, depois dei um murro e polvilhei com um bom azeite.
Para acompanhar uma saladinha de tomate.

Sexta


Para teminar a semana escolhi grelhar, sem acrescentar gordura adicional, uma costeleta temperada com sal e pimenta. Para acompanhar arroz de tomate que fiz com tomate picado desfeito em azeite, adicionei arroz agulha e cobri com água para deixar cozer, coloquei apenas sal e ficou um arroz maravilhoso. Adoro estas comidas rápidas, fáceis e mais naturais.

Que vais jantar hoje?

Sem comentários:

Enviar um comentário